O Ibovespa superou os 108 mil pontos pela primeira vez nesta sexta-feira, guiado pela alta expressiva das ações da Petrobras após a petrolífera reportar resultado trimestral forte, enquanto Ambev atenuava o fôlego, em queda de quase 7% depois de resultado considerado fraco.

Às 11:29, o Ibovespa subia 0,32 %, a 107.326,33 pontos. Na máxima até o momento, chegou a 108.083,26 pontos. O volume financeiro somava 5 bilhões de reais.

Para a equipe da Elite Investimentos, o Ibovespa está repercutindo nesta manhã, principalmente, os resultados de Petrobras e Vale, divulgados na noite da véspera, em meio a uma agenda fraca no exterior, onde Wall Street também reage à temporada de balanços das companhias norte-americanas.

Eles ressaltaram, contudo, que os mercados seguem atentos ao progresso das negociações entre os Estados Unidos e a China, bem como o impasse na União Europeia em relação ao Brexit.

Números sobre a participação de estrangeiros no mercado secundário de ações brasileiro mostram entradas líquidas de 1,4 bilhão de reais nesta semana até o dia 23, o que ajuda a explicar o movimento mais forte do Ibovespa nos últimos dias, renovando máximas várias vezes.

FONTE: EXAME